segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Màquina do Tempo - A História das Músicas da Supermissão

Em homenagem aos participantes da Supermissão de Sorocaba(SP), aí está uma história de "bastidores musicais" daquela jornada inesquecível que foi a Supermissão 95.    

------------------------------------------------------------------------                                 

                                Supermissão


Começa o ano de 1995. O assunto nº 1 entre os Jovens Adventistas era a Supermissão.

O evento juntava Evangelismo, Assistência Social e um Grande Congresso reunindo mais de 10 mil jovens de todo o Brasil na Supermissão de “balançar” a cidade de Maceió, capital de Alagoas.

A idéia foi desenvolvida e executada sob liderança do Pr Venefrides, Pr Artur Marski e Pr Braguinha, apoiados pelos demais líderes JA da União Este-Brasileira, que na época abrangia 9 estados do Brasil.

Eu tive o privilégio de ajudar dirigindo os Momentos de Louvor junto com o Grupo Vereda, ao qual eu liderava; e também preparando as trilhas para os diversos momentos da programação, bem como os jingles pra serem veiculados nas rádios locais.

Enquanto as trilhas, os cenários, e a logística dessa grande mobilização iam sendo preparados, uma tarefa especial era desenvolvida no Rio de Janeiro.

Na lendária Rua da Matriz nº16 , Botafogo, Rio de Janeiro; ficavam na época os estúdios da Voz da Profecia.

Ali, o genial maestro Jader Santos tinha a “supermissão” de compor e produzir a música oficial da Supermissão. Haveria também a produção de um CD “Supermissão”, contendo vários outros cânticos pra serem cantados, embalando o evento.

Era o início do mês de Março quando o Jader avisou : “A música está pronta”

Foi marcada uma reunião no Rio com a equipe que produzia o evento, e no dia seguinte os estúdios da VP estavam movimentadíssimos , com todos curiosos pra ver como seria a Musica Oficial da Supermissão.

Eu tive a sorte de ter uma gravação marcada lá no mesmo dia. Era um jingle para o Revive-BH. Minha gravação foi marcada pras 11 da manhã.

Pois bem.

O Pr Artur, então líder JA da UEB, resolveu ver a música antes de todos e foi atrás do Jader, e à medida que ia ouvindo a música, ia fechando a cara : “Jader, está muito calma, e eu preciso de algo com mais energia.A letra está boa, mas a música ta muito tranquila”

Quem conhece o Pr Artur sabe como é. Não adianta chiar. Nenhuma explicação cola.

Pra piorar a situação, naquela altura já havia uma corrida contra o tempo, pois o CD Supermissão precisava estar pronto pra ser lançado na Convenção JÁ, em pouco mais de 20 dias.

Foi quando o Jader disse : “Tá. Espera ai.” Pegou papel e caneta, e em menos de 10 minutos mostrou outra música.
- “E agora ? O que acha ?”

- “De—mais !!!”

O bordão do Pr Artur era a senha do OK

Chegamos as 11 pra nossa gravação e a notícia já havia corrido longe. O Jader havia feito uma música em 10 minutos.

Mas ainda faltava gravar e mixar.

Pediram que adiassemos nossa gravação pras 14 horas. Decidimos almoçar.

Enquanto almoçávamos, o Jader reuniu 3 cantoras do Grupo Carisma, e junto com ele mesmo, o Silmar Correia; dos técnicos de áudio Alexandre Veiga e Kleber Augusto; gravaram e mixaram a música no horário de almoço.

As 14 horas começamos a nossa gravação, que se encerraria as 18.

A notícia correu e antes das 18 hs o estúdio já estava lotado. Todo mundo queria conferir a já famosa música feita em 10 minutos.

Que eu me lembre, estavam lá o Pr Ronaldo Oliveira, os Arautos da época (Dermival, Josué de Castro, Fernando Iglesias, Juan Salazar), Rogério Reis, Pr Braguinha, Pr Artur Marski, Silmar Correia, Alexandre Veiga , Lúcio Monteiro, Pr Stanley Arco, Pr Ursulino Freitas, Élson Gollub, Kleber Augusto e eu

Pra aumentar ainda mais o suspense , o Jader disse : “Perai. Eu quero que a minha esposa (Lúcia) veja como ficou.”

Mais uns 5 minutos e ela subiu. E então, som na caixa.
Ouça aqui o que nós ouvimos em 1ª mão

Todos aplaudiram e ouviram repetidas vezes.

Houve uma oração em agradecimento a Deus pela vida e o talento do Jader , e a Supermissão tinha uma Música Oficial

No ano seguinte haveria outras “Supermissão” em varias cidades.
O Jader novamente foi desafiado a fazer a música oficial.

Dessa vez não houve reclamação. O “de—mais” do Pr Artur veio logo de cara.

Não é fácil, e nem é pra qualquer um, a missão de fazer 2 músicas sobre o mesmo tema, com os mesmos enfoques, com menos de 1 ano de intervalo entre entre as 2 composições. E ainda com o agravante de uma outra música com mesmo tema ter sido descartada.

Nas músicas de 1996, vc vai ver o inconfundível timbre dos Sintetizadores Ensoniq, tocados pelo Jader Santos e pelo Juan Salazar.


Ouça também o Jingle Oficial (sem a locução), que tive o privilégio de fazer para o evento.
Estão cantando além de mim, Angelo Meireles, Sidnèia Brito, Pollyanna Sampaio, Keila Viana

No Jingle Supermissão, usei o famigerado KORG 01/W, que "dominou o mundo" nos anos 90


Quem viveu a Supermissão naquele tempo, vai poder matar a saudade.

Quem está “estreando” nos projetos da Supermissão, pode conhecer parte do início de tudo.

O importante é que todos nós estejamos “conhecendo, amando e servindo” na Supermissão.

Divirta-se, relembre, se inspire clicando * http://migre.me/5798f

3 comentários:

  1. Que legal cara...eu tinha apenas 5 anos, mais lembro pouquinho de como foi movimentado aqui em maceió durante aquela semana de SuperMissão.

    ResponderExcluir
  2. Vivi intensamente cada minuto da Supermissão 95. Fez grande diferença na minha vida. Pena que não encontrei a música para relembrar.

    ResponderExcluir